Ao Vivo
 
 
Siga ao vivo

Geral

GRITO DOS EXCLUÍDOS NA DIOCESE DE MACAPÁ

GRITO DOS EXCLUÍDOS NA DIOCESE DE MACAPÁ

O grito dos excluídos foi realizado em todas as dioceses do Brasil e foram organizados pelas pastorais sociais e organismos da sociedade numa caminhada ecumência por diversas experiências sociais. Muitas lideraças levaram cartazes e faixas denunciando as diversas desordes e desreipeitos são encontrados no mundo. Aqui na Diocese de Macapá, esta manifestação foi enriquecida com a participação das diversas pastorais sociais em um espírito de harmonia e cordialidade entre os participantes da mesma. A vigésima segunda edição do Grito dos Excluídos trouxe a seguinte temática: Vida em primeiro lugar , este sistema é insuportável: excluí, degrada, mata!. Neste ano a proposta da caminhada  do grito foi de um percurso de 2 km, saiu da Igreja Santíssima Trindade no bairro Nova Esperança, percorrendo várias ruas do bairro Novo Buritizal com chegada na Igreja Cristo Redentor.
Cadeiras de rodas entregues aos ouvintes que precisam

Cadeiras de rodas entregues aos ouvintes que precisam

Como parte dos objetivos da rádio são José FM, no dia 22 de agosto de 2016, foi feita a entrega de duas cadeiras de rodas, uma de passeio e outra de banho. A de passeio foi entregue no bairro Jardim Equatorial, zona Sul de Macapá, ao senhor Odivanei Pires Lobato, 39 anos e que depois de um problema ainda na infância ficou com a fala e os movimentos do corpo comprometidos e há algum tempo sua família tentava comprar outra cadeira. A cadeira de banho foi entregue no município de Santana, há 17 km de Macapá, ao senhor Lorivaldo Silva Gaia, de 81 anos, que foi diagnosticado com câncer na próstata e por essa razão está muito debilitado e precisa de auxilio dos familiares para suas necessidades básicas como tomar banho.   As duas cadeiras foram doadas ao programa Espaço MPB, que vai ao ar na Rádio são José todos os sábados, das 10h00min da manhã até as 12h00min, sob a apresentação de Edinete Morais, Cristina Homobono e Jackson Gomes, o doador preferiu não se identificar, a ele nos resta agradecer pelo gesto, pois, fez duas famílias felizes.